Confira as prévias das novelas da Globo sem o horário de verão

Planeta TV

As novelas da Rede Globo reagiram com o fim do horário de verão, no entanto, Tempos Modernos continua registrando baixos índices. Nesta segunda, 22/02, de acordo com dados preliminares na Grande São Paulo, a novela Cama de Gato se destacou com picos de 30 pontos.

Confira as prévias das novelas da emissora:

Alma Gêmea – 24
Malhação – 23
Cama de Gato – 27
Tempos Modernos – 24
Viver a Vida – 38

Walcyr Carrasco é absolvido de processo de plágio

Portal Imprensa

A 5ª Vara Cível do Fórum Regional da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro (RJ), julgou improcedente acusação movida por Shirley Costa Ferreira contra a Rede Globo e o autor Walcyr Carrasco, por plágio na novela “Alma Gêmea”. A autora da ação alegava que o folhetim, atualmente reprisado em “Vale a Pena ver de Novo”, fora baseado no livro “Rosácea”, de sua autoria.

Shirley argumentou que enviou textos de seu livro ao autor, que os utilizou para a realização da novela. No entendimento do juiz Aurélio Abi Rama Duarte, responsável pelo caso, não houve comprovação de plágio. Segundo ele, os textos comparados não mostram identidade ou características comuns.

Na decisão, o juiz ainda ressaltou que textos podem ter “a mesma identidade em alguns pontos, sem que tenha ocorrido qualquer espécie de plágio (…)”.Para ele, os pontos comuns nos textos podem ser encontrados em obras como mitologia grega, romances trovadorescos e literatura infanto-juvenil.

Em entrevista à coluna de Mônica Bergamo, publicada em 2007 pela Folha de S. Paulo, Carrasco disse desconhecer sobre a existência do livro e da autora da ação. “Nunca li.Nem para apresentar defesa no processo. Pedi para outra pessoa fazer isso por mim. Nem conheço essa pessoa”, disse o autor na época.

PRÉVIAS: Confira a audiência das novelas da Globo ontem (05/01)

Alma Gêmea 21, pico de 25 (47%);
Malhação 19.5, pico de 23 (40%);
Cama de Gato 26, pico de 32 (48%);
Caras & Bocas 36, pico de 40 (59%)

Confira o que vai acontecer na sua novela preferida nesta semana

Viver a Vida

Caras e Bocas

Cama de Gato

Malhação

Poder Paralelo

Bela, Feia

Vende-se um Véu de Noiva

Walcyr Carrasco: ‘Ninguém faz sucesso sozinho’

O Dia

Rio – O autor Walcyr Carrasco conseguiu elevar o ibope do horário das 19h com sua ‘Caras & Bocas’. Devido ao fenômeno de audiência, a trama, que termina sexta-feira, foi esticada e teve duração de nove meses — as últimas três novelas ficaram sete meses no ar. ‘Quando a gente faz um sucesso, não importa o horário. É super-reconhecido’, diz Walcyr.

O DIA — Suas novelas dão ibope. Agora, você conseguiu alavancar a audiência das 19h. A que atribui esse sucesso?

Walcyr Carrasco — Ao conjunto harmonioso desse trabalho: direção, elenco, figurino, produção, texto, todos nós tivemos uma integração total. Acreditamos na novela, demos o sangue. Ninguém faz sucesso sozinho.

— Qual o ingrediente principal para uma trama do horário das 19h?

— Eu não gosto muito de teorizar sobre o assunto, porque a vida sempre é mais criativa que as teorias. Mas eu acho que novela das sete tem que ter humor e emoção.

— Foi difícil escrever para um macaco interpretar?

— No início tomei cuidado para sentir até onde dava para ir. Afinal, era um ator sem experiência em novelas. Mas o próprio Jorge Fernando foi me falando sobre as dificuldades, fizemos um trabalho em conjunto. A grande surpresa, porém, é que Xico (interpretado por Keith) superou todos os limites que tínhamos, com atitudes espontâneas. Foi magnífico.

— A Judith (Deborah Evelyn) pagará pelas suas maldades de forma trágica?

— O final da vilã não conto.

— Temia que a ideia de ter um macaco na trama pudesse dar errado?

— Temia por se tratar, afinal de contas, de um animal. Sempre soube que ele faria sucesso se tivesse uma boa participação. Mas o olhar de Xico, os risos, as atitudes que tomava na gravação sem nada combinado — nem poderíamos marcar — tornaram o personagem apaixonante.

— De todas as cenas de ‘Caras & Bocas’, qual foi a mais difícil de escrever? Por quê?

— Olha, essa novela fluiu de maneira tão harmoniosa que não tive nenhum sofrimento ao escrevê-la. As cenas mais difíceis foram as dos judeus, porque tínhamos que transportar uma forma de falar que é deles e que exigia o emprego de palavras em outro idioma. Também não quis correr o risco de ofendê-los. Só quis mostrar ao público a forma de pensar e agir dos judeus ortodoxos hassídicos. Tive um cuidado especial e carinho ao escrever para eles.

— Você vive conectado no Twitter. Em algum momento essa ferramenta da Internet o ajudou na novela?

— Sim, ao criar castigos para o Nick (Sérgio Marone). A ideia de botar o safado para limpar estábulos foi de uma twitteira!

— De onde você tira suas histórias para criar uma trama?

— De algum lugar misterioso dentro de mim mesmo.

— Humor é o carro-chefe dos seus textos?

— Não. Cada texto tem sua característica. ‘Alma Gêmea’, por exemplo, não foi uma novela de humor, embora tivesse núcleo cômico.

— No dia a dia, você interage com os personagens que cria?

— O tempo todo. São como pessoas que eu conheço. Converso com eles, sinto suas emoções!

— Quando o folhetim acaba, os personagens vão embora. Você já disse que teve depressão por isso. Depois de tantas novelas escritas, já conseguiu superar essa fase?

— Não, de jeito nenhum, nunca vou superar. Eu amo meus personagens, sinto falta deles. E vou ter saudades deles pra sempre.

— Quando há novela sua no ar, dorme a que horas?

— Escrevo de noite. Portanto, às 5h, 6h da manhã.

— Quando o autor recorre ao analista? Você faz terapia?

— Atualmente não. No passado fiz sim, muita terapia, mas por conta da minha vida pessoal. Novela, ao contrário dos problemas do cotidiano, me torna mais leve diante da vida.

— Tem vontade de escrever uma novela das oito?

— Não me preocupo com o horário em que a obra é exibida, prioritariamente, mas com a obra em si. Tenho uma ideia, vejo a cara dela. Algumas histórias são melhores para as seis, outras para as sete ou oito. O que importa é que a história expresse o que há dentro de mim, obedeça ao meu impulso de criação.

— Já apresentou algum projeto para o horário das 20h? Acha que o trabalho do autor só é reconhecido quando escreve novela do ‘horário nobre’?

— Não apresentei, não. Quando a gente faz um sucesso, não importa o horário, é super-reconhecido. Senti isso em ‘Alma Gêmea’ e agora, em ‘Caras & Bocas’.

— Como é o assédio do público? As pessoas o reconhecem? Você dá autógrafos?

— Sim, as pessoas me reconhecem bastante. Não dou muito autógrafo, as pessoas em geral vêm conversar, falar sobre a novela. E gostam de fazer fotos!

— Com o fim de ‘Caras & Bocas’, quais são os seus planos?

— Descansar, escrever um romance, ler muito, fazer muita ioga e depois pensar numa próxima novela, claro!

PRÉVIAS: Alma Gêmea e Super Máquina

ALMA GÊMEA 20,6 pico: 24,6

SBT: 6,5
Record: 4,6

SUPER MÁQUINA: 6

Globo: 14
SBT: 6
RedeTV: 2
Cultura: 2

ALMA GÊMEA 20,6 pico: 24,6

SBT: 6,5
Record: 4,6

SUPER MÁQUINA: 6

Globo: 14
SBT: 6
RedeTV: 2
Cultura: 2.

Audiências: Confira as audiências das novelas da Globo nesta segunda

"Viver a Vida" registrou ligeiro acrescimento em relação a última semana

De acordo com dados preliminares da audiência na Grande São Paulo as novelas começaram a semana de ano novo melhor em relação a semana passada. Na Globo, por exemplo, Viver a Vida marcou 34 pontos.

Veja as audiências das novelas da Rede Globo nesta segunda, dia 28/12

Alma Gêmea – 18
Malhação – 17
Cama de Gato – 23
Caras & Bocas – 31
Viver a Vida – 34

*Os números são prévios e podem sofrer alterações no consolidado.

EFEITO NATAL: Novelas Globais desabam no Ibope

Na Globo, as novelas tiveram queda em seus indices neste Natal. A reprise da novela “Alma Gêmea” marcou média de 13 pontos com participação de 38% durante o seu horário de exibição.

Já a novela teen “Malhação ID” continua marcando indices baixos, e conquistou média de 13 pontos com participação de 33%.

“Cama de Gato” conseguiu alcançar média de 18 pontos com participação de 42%. O indice é um dos piores já conquistados pela trama desde que estreou na Globo.

“Caras & Bocas” o atual sucesso global, conseguiu a marca de 25 pontos de média, com pico de 30 e participação de 51%.

A novela “Viver a Vida”, que já vem sendo considerada um fracasso pela Globo, conseguiu 29 pontos de média com pico de 34 e participação de 50%.

Audiências: Em noite de véspera de natal, “Viver a Vida” registra audiência inferior a “Caras & Bocas”

A trama de Manoel Carlos registrou péssima audiência

Como é de costume seguimos acompanhando as audiências das novelas brasileiras. E, nesta quarta (24/12), véspera de natal, os índices foram atípicos.

À tarde, a reprise de Alma Gêmea marcou uma média de 15 pontos. No início da noite tarde, Malhação registrou 14 pontos. Em seguida, Cama de Gato fechou o capítulo em 19 pontos.

Já Caras & Bocas, que entra em seus últimos capítulos, marcou 25 pontos com pico de 29. Por fim, Viver a Vida foi a novela que mais perdeu audiência nesta noite e registrou uma média 21 pontos. Com isto, a trama de Manoel Carlos ficou com uma média inferior à trama das 7.

Desde segunda o Ibope vem apontando um baixo número de TV’s ligadas – share – e tudo indica que a média semanal das novelas da Globo serão as mais baixas dos últimos anos.

*Os índices são prévios e podem sofrer alterações de até 2 pontos no consolidado. Vale lembrar que cada ponto no Ibope representa aproximadamente 60 mil domicílios, dados que servem como referência para o mercado publicitário.

CONSOLIDADOS: Confira as principais audiências de ontem (23/12)


Alma Gêmea 17
Malhação 15
Cama de Gato 20
Caras & Bocas 27
Viver a Vida 30
Do Ré Mi Fábrica 24


A Fazenda 7
Bela, a feia 8
A Fazenda 10
Poder Paralelo 10


Qual é o Seu Talento? 6
Sobrenatural 8
Vende-se um Véu de Noiva 4
Histórias e Canções 3


Isa TKM 3
Especial Leonardo 5


Superpop 3