Vildomar Batista: “O Programa da Tarde é o meu melhor desafio”

 

Vildomar Batista

Vildomar Batista: “O Programa da Tarde é o meu melhor desafio”

“Sou um homem movido a desafios”, diz Vildomar Batista. Atualmente, na direção do Programa da Tarde (Record), o profissional afirma que tem grande preocupação em passar ao telespectador um produto atrativo e com qualidade. Em entrevista concedida ao R7, ele falou de seus 28 anos de carreira e ainda revelou um pouco do que acontece nos bastidores da televisão. Confira!
R7 — Como é dirigir o Programa da Tarde?

Vildomar Batista — Posso afirmar que o Programa da Tarde é o meu melhor desafio. A Record quis estrear uma atração no período vespertino, que até então era conhecido como o da mesmice. Os concorrentes, por exemplo, exibem no horário, reprises de novelas ou então filmes. O projeto do Programa da Tarde veio para inovar e oferecer um conteúdo de entretenimento e jornalismo. Estamos seis meses no ar.

R7 — Qual é a sua relação com os apresentadores da atração: Britto Jr., Ana Hickmann e Ticiane Pinheiro?
Vildomar Batista —
 É muito boa. O Britto Jr. é um jornalista muito generoso, inteligente e sabe conduzir o programa ao lado de Ana e Ticiane. Ana é espontânea e Ticiane com seu jeito irreverente acabaram por equilibrar o programa. 

R7— Em seu Twitter, você escreveu o seguinte post: “Diretores e artistas gostam de chamar a atenção! Mas sem chamar a atenção dos telespectadores não somos NADA!” O que você quis dizer com essa frase?
Vildomar Batista —
 O que eu quis dizer é que não importa se você é um diretor ou um artista, você precisa chamar a atenção do público para conseguir êxito com o seu produto. E precisa fazer isso com algo que prenda a atenção e que tenha um bom conteúdo.

R7 — Em alguns programas que você dirigiu, você acabou interagindo com os telespectadores, conversando com eles por meio de ligações telefônicas. Alguns jornalistas chegaram até a criticá-lo dizendo que você adorava um “holofote”. Você concorda?
Vildomar Batista
 — Não tenho vaidade nenhuma. Não sou o artista. Sou o diretor. Minha vaidade é profissional, em ser reconhecido por meu trabalho na emissora para qual trabalho. Na época do Hoje em Dia, eu conversava mais com o público. Era uma brincadeira, que dava bons resultados.

R7 — Você acha importante ter essa interatividade com o telespectador?
Vildomar Batista
 — Sim. Hoje ainda temos o Twitter, o Facebook, enfim. Estou sempre antenado e posso dizer que observo cada crítica. Aquelas que são construtivas acabam nos ajudando e muito. Posso dizer que, no passado, já cheguei a adotar algumas das sugestões dos telespectadores, que me escreveram no Twitter.

R7 — Em 28 anos de televisão, trabalhando 18 anos como diretor, você já se deparou com algum apresentador que tinha o ego inflado?  Continuar lendo

Val Marchiori posa com Silvio Santos durante gravação no SBT

Val Marchiori vai mostrar se é boa de adivinhação no Jogo das 3 Pistas, do Programa Silvio Santos, do SBT. A socialite grava sua participação no game nesta segunda-feira (25) e disputa com a modelo Kelly Gisch, namorada do nadador César Cielo.

Enquanto aguardava no camarim, Val tirou alguma fotos e as publicou em seu Instagram. Ela posa com sua adversária e também com Valesca Popozuda, que estava na emissora para uma gravação diferente. Claro, não deixou de posar ao lado do apresentador e dono da emissora, chamando-o de “meu ícone da TV brasileira”.

Val Marchiori grava quadro com Silvio Santos e posa com o apresentador

Val Marchiori grava quadro com Silvio Santos e posa com o apresentador

 

 

Homem cai no golpe do “Prêmio do SBT” e perde quase mil reais

Em Ribas do Rio Pardo (MS), na tarde de ontem (20), um homem de 30 anos foi vítima do golpe “Prêmio do SBT”, onde a vítima recebeu uma ligação em sua residência, por volta das 15h45min e foi comunicado que tinha ganhado uma casa no valor de R$150 mil do SBT e que deveria dirigir-se até o banco e efetuar um deposito no valor de R$ 220 para liberar os papeis, só assim o premio seria pago.

Após feito o deposito, depois de mais algumas conversas foi solicitado outra quantia no valor de R$230 que também foi efetuado, ambos em contas da Caixa Econômica Federal. A
vitima conta que além dos depósitos, efetuou recargas de Celular em diversos valores para números dasoperadoras, Tim e Claro, totalizando um gasto de R$ 324.

Segundo registro policial, a vítima conta que após atingir o valor de recarga de R$ 300, a maquina de recarga do local onde a vítima estava fazendo as recargas atingiu o valor máximo do dia e não efetuou o restante do valor gasto e que a pessoa que estava do outro lado da linha pediu para falar com o atendente da conveniência, e o atendente foi ameaçado de morte caso contasse alguma coisa para a vítima.

Estelionatário se passa como diretor fiscal do SBT e seduz a vítima com falso prêmio de R$50 mil

toda_noticia_menor_thumb.png

Na tarde ontem, segunda feira (20), a Policia Militar foi acionada na rua Presidente Olegário Maciel, região central de Araxá, para atendimento de uma ocorrência de estelionato.

De acordo com o boletim de ocorrências a vítima, um homem de 40 anos recebeu uma mensagem de texto em seu celular proveniente do numero 558596085164, informando que ele acabara de ganhar um prêmio do SBT (Sistema Brasileiro de Televisão). A vítima ligou para o numero citado e o atendente foi um cidadão que se identificou como sendo Anderson Vieira dos Santos, diretor fiscal do estúdio 8 da rede de TV SBT. Ainda segundo a vítima, o suposto diretor fiscal (Anderson) disse que ele tinha sido premiado e receberia a quantia R$50 mil.

Entretanto, para receber o prêmio ele teria que deslocar até a agência bancária, a qual o mesmo possui conta e tirar o extrato da conta e passar os dados do extrato (horário, data, saldo, número da conta e CPF) para o cidadão Anderson, o que foi prontamente recusado.

Diante da recusa, o suposto diretor fiscal do SBT disse para a vítima comprar quatro cartões de recarga das operadoras Oi, Vivo ou Claro e passar a senha dos cartões, pois com esse procedimento agilizaria o processo de recebimento do prêmio. A vítima comprou os cartões e repassou os números ao estelionatário. Não satisfeito, o elemento pediu para que ele comprasse outros dois cartões de recarga no valor de R$50 e que neste intervalo ele passaria um fax para a direção do STB pedindo para liberar o valor do prêmio. Em seguida, a vítima percebeu que acabara de cair no golpe do “falso prêmio”. O boletim de ocorrências foi registrado e entregue na 43ª Delegacia Regional de Segurança Pública.

As autoridades policiais orientam os cidadãos a se prevenir contra qualquer ligação suspeita. Em caso de dúvida, acione a Polícia Militar antes de qualquer atitude.