Barraco: Diretor do Gugu nega plágio e detona redator do “Domingo Legal”

Homero Salles, diretor geral do 'Programa do Gugu'

Homero Salles, diretor geral do ‘Programa do Gugu’

Uma nova acusação de plágio está movimentando os bastidores da TV.

Redator do “Domingo Legal”, Jorge Tadeu acusa o “Programa do Gugu” de plagiar seus roteiros do quadro “Lendas Urbanas”, exibido na atração do SBT desde a época em que Gugu Liberato apresentava – ele mudou de emissora em 2009.

Na Record, o “Novas Lendas Urbanas” já contou com 20 episódios em 2010 e neste ano reestrearam o formato com o episódio “A Flor do Cemitério”. Segundo Tadeu, trata-se de uma adaptação dele a um conto de Carlos Drummond de Andrade.

O SBT deve acionar seu departamento jurídico para cuidar do caso.

Outro lado

Procurado para falar sobre o assunto, Homero Salles, diretor do “Programa do Gugu”, não poupou críticas a Jorge Tadeu e detonou o redator.

“O cidadão Jorge Tadeu nunca foi redator de TV… Ele teve o azar/sorte de cair um avião na casa dele (é fato) e isso fez com que ele montasse um blog sobre acidentes aéreos… Eis que um belo dia eu o chamei para comentar o acidente da Tam e ele se saiu bem no ar. Pronto, o mosquito picou. A partir desse dia ele me infernizava pedindo, suplicando, implorando para trabalhar na TV. E eu dei a ele essa oportunidade… OK, virou redator iniciante de TV”, começou o diretor.

Homero continuou a história e contou como surgiu a ideia do quadro: “Quando eu tive a ideia de voltar com ’As Histórias de Pedro Malasartes’, a ideia evoluiu para ’Lendas Urbanas’. Então, chamei o Jorge e outros redatores para escrever, dei o tema e esperei o resultado, que foi catastrófico”.

O diretor prosseguiu no assunto e revelou que o primeiro episódio do “Lendas Urbanas” foi escrito por ele: “Eles rescreveram umas cinco vezes até o dia que cansado disso sentei no computador e escrevi sozinho a lenda da “Mulher do Baile”… O primeiro a ir ao ar!!! O segundo também não foi escrito por ele… A partir daí eles pegaram o jeito e ele escreveu alguns episódios sozinho e ou com parceiros… Mas assinava tudo (risos)”.

Homero Salles ainda destacou que o formato das “Lendas” é universal: “Vai dai que o dito cidadão escreveu um livro de Lendas e convenceu-se que é dono de um formato universal (risos)”.

Ele finalizou o assunto esclarecendo: “O quadro foi criado por nós, apresentado na TV pelo Gugu e não pertence a ninguém pois as Lendas são de domínio público”. Antes de se despedir no contato do NaTelinha, fez um pedido: “Peça por favor para esse ingrato ir lamber sabão (risos)”.

Jorge Tadeu foi também foi procurado para rebater as críticas, mas até o fechamento desta matéria ainda não retornou o contato. Tão logo o faça, a reportagem será atualizada.

 

Gugu contrata diretor do SBT envolvido em desvio de verba

A união entre Gugu Liberato e SBT tinha indícios de que seria eterna, mas os 30 anos de relacionamento foram rompidos por uma proposta mais atraente .... Foto: Divulgação

Gugu contrata diretor demitido do SBT

 De acordo com a coluna Outro Canal, do jornal Folha de S.Paulo, a Record contratou as produtoras Take 3 e DJorge Produções, pertencentes a Dirlan Jorge, demitido do SBT após auditoria interna no quadro Construindo um Sonho, do Domingo Legal, no qual foi constatado desvio de recursos para usos pessoais.

Segundo a coluna, fontes do mercado garantem que Dirlan é inocente e que foi vítima de armação. A Record confirma a contratação das produtoras de Dirlan, que assumirá as gravações do Sonhar Mais um Sonho, do Programa do Gugu, nas regiões Norte e Nordeste. A emissora diz que foi escolhido por ser um profissional que Gugu e o diretor Homero Salles conhecem há mais de 20 anos.

BOMBA: Vildomar Batista poderá assumir a direção do “Programa do Gugu”

Por James Akel

Corria nestes dias, nos bastidores da Record, que Vildomar Batista deve ser o novo diretor do Gugu.
Vildomar não dá entrevistas por definição da alta direção.

Zapping – Carla Vilhena está na mira da Record

Folha

Carla Vilhena, que renegocia seu contrato com Globo, foi sondada pela Record. Âncora do “SPTV 1ª Edição”, a jornalista aguarda resposta da Globo sobre um programa que mistura jornalismo e variedades, para o qual gravou testes. No começo de fevereiro, Carla mudou o visual, trocando o cabelo liso pelos cachos. Desde então, vem recebendo elogios de telespectadores.

Tessália da Record

Protagonista de “A História de Ester”, Gabriela Durlo já foi confundida com a Tessália do “BBB 10” na Record. “Já falaram que somos parecidas, mas eu não sei quem ela é. Não vejo ‘Big Brother'”, disse.

A Record produzirá mais séries bíblicas. Vivian de Oliveira, autora de “Ester”, escreverá uma sobre Sansão e Dalila.

Ritmo

A Banda Calypso lançará o DVD dos seus dez anos de carreira no “Domingão do Faustão”, da Globo, no dia 14 de março.

Tranquilidade

Silvio Santos, que voltou ao trabalho nesta semana, não fez nenhum comentário sobre o assalto a sua casa no SBT. O dono do Baú tampouco reforçou sua segurança pessoal.

Dez anos

Após a polêmica com Homero Salles, diretor do “Programa do Gugu”, Luciano Huck disse que não colocará mais quadros de emissoras estrangeiras no “Caldeirão”. As novidades estreiam em abril.

No Twitter

Em novembro, Salles acusou Huck de não criar nada depois que o apresentador da Globo escreveu que Gugu se “inspirava” em seu programa.

Tortura

O SBT já adquiriu os direitos de uma terceira temporada do reality “Solitários”. A primeira acaba hoje. A segunda, que já está em produção, estreia apenas no segundo semestre.

Twitter: Confira as últimas twittadas polêmicas das celebridades da TV

Por Leandro Bovo

O passarinho símbolo do microblog vuou, e com ele foi a imaginação do pessoal de TV. Muitas ‘Twittadas’ causaram polêmica, confira as principais, na íntegra:

“AMEI!!!!!, ela foi minha maquiadora durante muito tempo no SBT!!!!, ela era show!!!!, super do bem….., alto astral…., simples….”

(Angélica, apresentadora, falando sobre a drag queen do “BBB”. Dimmy Kier – 7 de janeiro www.twitter.com/angelicaksy)

“Onde vamos parar? Até Papai-Noel sai com veados… Rsrsrsrsrsrsrsrsrsrs”

(André Marques, apresentador; sua piada rendeu algumas críticas de internautas – 6 de janeiro )

“E a serie que vai substituir SOBRENATURAL no horario nobre vai ser… chan chan chan…CHAPOLIN, não contavam com minha astucia..kkkk”

(Daniela Beyruti, filha de Silvio Santos; alguns “tweets” depois, ela explicou: era brincadeira – 8 de janeiro www.twitter.com/dANIBEY)

“Apagão de ontem: Quem não estuprou ninguem perdeu a chance”

( Murilo Couto, ator da nova temporada de Malhação em 10 de novembro www.twitter.com/MuriloCouto )

“Tem gente que não gostou do que falei sobre o apagão. Desculpa, estupro é uma palavra muito forte… ‘Sexo surpresa’ é melhor?”

( Murilo Couto, tentando remediar o impacto da repercussão da frase postada – 10 de novembro )

“Galera, mandei mal com esta brincadeira do apagão. Acabou virando um bom exemplo de piada de muuuuuito mau gosto! Peço desculpas a todos.”

( Murilo Couto, pedindo desculpas a todos após protestos generalizados )

“não achamos e olha que entrevistamos um monte. Outros acredite, estava fazendo regime! Mas a doutora tá nesse time.”

(Boninho, diretor do “BBB”, respondendo à reclamação sobre falta de participante gordinho – 6 de janeiro www.twitter.com/Boninho)

“OK! OK! BBB 10: uma drag, um emo, um rasta, uma sapa e uma PM! Enfim, é a volta do Village People!!!”

(Nelson Rubens, apresentador de TV, tecendo comentários sobre os participantes do reality show – 7 de janeiro
www.twitter.com/NelsonrubensTV )

“O frio é tanto que se a gente fizer xixi na rua, produz uma bengalinha dourada.”

(Miguel Falabella, ator, comentando as férias de fim de ano passadas em Oslo, capital norueguesa – 7 de janeiro www.twitter.com/falabellareal)

“Agora no TeleCine KingKong, um macaco q depois q vai p/ cidade e fica famoso pega 1 loira. Quem ele acha q e? Jogador de futebol?”

(Danilo Gentili, integrante do “CQC”; a declaração gerou repúdio do movimento negro – 25 de julho
www.twitter.com/DaniloGentiLi)

“Façam um teste: Se vocês digitarem ‘twitter’ no Google, imaginem quem chega em segundo? Hahahaha!”

(Rodrigo Scarpa, o Repórter Vesgo do “Pânico na TV!”, cutucando o piloto brasileiro Rubens Barrichello – 4 de agosto
www.twitter.com/rodrigovesgo)

“@rodrigovesgo acredito que voce deve preferir ser um humorista meia boca do que vice campeao do mundo de F1 né?”

(Rubinho, que terminou a atual temporada da F-1 na terceira colocação, respondendo ao humorista da RedeTV! – 4 de agosto www.twitter.com/rubarrichello)

“Agora o Gugu quer ‘se inspirar’ também no Lata Velha!!! Hahahaha…ô falta de imaginação!!!! Tem gente que acha que povo é burro, né não?”

(Luciano Huck, apresentador, criticando a concorrência publicamente – 22 de novembro www.twitter.com/hucklucianO)

“@huckluciano, deixa de ser babaca…você dirige um TAXI que o Gugu dirigia e pensa que pode falar dos outros?

(Homero Salles, diretor do “Programa do Gugu”, rebatendo a quem ele apelidou de “mauricinho global” – 22 de novembro www.twitter.com/HSalles)

“To deitado esperando o dr com a guilhotina!! Haha. Depois que terminar vou pra casa hj ta SHOW DE BOLAS.!!!!! Hahahahah”

(Otávio Mesquita, apresentador da Band, narrando sua operação de vasectomia em tempo real – 28 de setembro www.twitter.com/otaviomesquita)

“Não sou gostosa como a Preta Gil, brinco dizendo que sou uma mulher sabão de coco: quadradinha e cheirosa”

( Fabiana Karla, sempre bem-humorada e brincalhona. www.twitter.com/FKarla)

“Espero que muita gente se masturbe”

( Escritora Fernanda Young, sobre sua Playboy, que encalhou nas bancas www.twitter.com/youngPORRA)

”Tenho que ir vou fazer uma ‘sena’ com a cobra”

( Sasha, a filha de Xuxa Meneghel, foi alvo de duras criticas ao escrever a palavra “cena” com a letra “s” no Twitter )

“fui vcs não merecem falar comigo nem com meu anjo”

(Xuxa, apresentadora de TV, defendendo sua filha, Sasha, que escreveu cena com S no Twitter – 25 de agosto www.twitter.com/xUXAMENEGHEL)

Diretor do Gugu lava a alma tripudiando o SBT no Twitter

Odair Del Pozzo

O dominical volta a alcançar a vice-liderança

No último domingo (13), Homero Salles, diretor do Gugu, tripudiou no Twitter por manter uma distância contínua de 3 pontos no Ibope contra o SBT. Explica-se: quando Homero decidiu seguir Gugu para a Record, mesmo com proposta milionária para ficar, a cúpula da emissora de Silvio Santos virou todas as baterias contra ele, a ponto de probibi-lo de entrar lá. Essa grosseira humilhação, claro, não será esquecida tão cedo.

Gugu só perdeu no Ibope para o SBT, durante o Programa Silvio Santos, no domingo passado (06). No total geral, o placar está 15 vitórias para o Gugu e uma para o SBT. “Eu disse que estava com apetite. Estou comendo pocotó e peru. Na vice absoluta desde o início, com três pontos da terceira SBT. A RedeTV! (6 pontos) nunca esteve tão atrás do SBT”, disparou Homero, no Twitter.

“Barba e cabelo. Não sobrou para ninguém. Cadê a rataiada?”, perguntava ele, se referindo aos que esperavam que o programa fosse apanhar feio da Globo. Uh-la-la.

BARRACO: Diretor do “Programa do Gugu” rebate críticas de Luciano Huck

O Planeta TV

Luciano Huck cutucou a onça com a vara curta. Depois de criticar um quadro do Programa do Gugu, Huck recebeu uma série de críticas de Homero Salles, diretor da atração da Rede Record.

Veja na íntegra a discussão dos dois no Twitter:

Luciano Huck, apresentador do “Caldeirão do Huck”, da Globo

“Faça o bem, para receber o bem. Vou acreditar que 80% do Programa do Gugu é uma “homenagem” ao Caldeirão. Obrigado, nobre colega”

“Agora o Gugu quer “se inspirar” também no Lata Velha!!! Hahahaha…ô falta de imaginação!!!! Tem gente que acha que povo é burro, né não?”

Homero Salles, diretor do “Programa do Gugu”, da Record

“Me telefonaram dizendo que o Luciano Huk estava falando besteira…vou ver o que ele digitou…”

“Deixa de ser babaca…você dirige um TÁXI que o Gugu dirigia e pensa que pode falar dos outros?”

“Amiguinho…TODOS nós assistimos os programas de reforma de carros americanos…nem vc nem nós inventamos isso…”

“Ô nobre colega…até tres anos atrás vc perdia pro Raul Gil, a Globo teve de gastar uma nota preta comprando formatos…”

“Como eu queria ter o seu horário no sábado, com pouca concorrência…dar Ibope assim é facil…”

“E pra encerrar…DOMINGO É JOGO DURO…volta pro teu cantinho e não vem comprar uma briga que não é sua…”

“Vou jantar…daqui a pouco volto pra bater mais um pouco no mauricinho global…que cara chato…pedante e arrogante…”

“Nunca tive vergonha de adaptar bons quadros…mas tem de ser homem e assumir…”

“Não dá prá vir tentar dar lição de moral, sendo o que é…um copiador de mão cheia…”

“Teve até um colegiado de diretores globais tentando reverter a situação do Huck apanhando do Raul Gil…”

“O que salvou esse programa foram os formatos da Endemol…Barco do Amor, Acorrentados, etc…agora, Lata velha? Lar doce Lar?”

“Não são formatos comprados, são adaptações feitas pela competente (sem ironia…) equipe do Huck…a equipe é muito boa…já o cara…”

“Luciano Huck…nunca mais atire pedras pois sua vidraça é de vidro e pronto!!!”

“Vou dormir…toda essa minha bronca é pela covardia do Huck postar enquanto estavamos trabalhando e não podiamos nos defender…que feio…”

Pânico esquenta a briga pela audiência no domingo

panico na tv novo

Por Rodrigo Russo, coloboração para a Folha de S. Paulo

Na guerra pela audiência dos domingos à noite, o diretor do “Pânico na TV”, Alan Rapp, tem uma estratégia clara: perder no começo para ganhar no fim. “A missão é fincar nossa bandeirinha no primeiro lugar, mesmo que a tirem depois”, conta.
A tática vem surtindo efeito. Nas últimas sete semanas, o humorístico conquistou por alguns minutos (24, no máximo) a liderança do horário em que é exibido (aproximadamente, das 21h às 23h30 do domingo).
O “Pânico” é também responsável pelas duas maiores audiências da RedeTV! -aos domingos, com média de 11 pontos desde agosto, e nas reprises, às sextas, com oito pontos (um ponto equivale a 1% do total aproximado de domicílios com TV na Grande SP).
Essa tarefa, contudo, não é fácil. Além de competir pelo Ibope com o “Fantástico”, na Globo, o “Programa do Gugu”, na Record, e o “Programa Silvio Santos”, no SBT, o “Pânico” tem que alavancar a audiência de sua própria emissora. O esportivo “Bola na Rede”, que o antecede na grade, terminou no último domingo com três pontos no Ibope. Em menos de cinco minutos de “Pânico”, a audiência já havia dobrado.
Ainda assim, o “Fantástico” segue com média acima de 20 pontos em 2009, confortável na liderança do Ibope. O “Pânico” vem disputando o segundo lugar com a Record e, aos poucos, cria vantagem sobre o SBT.

Mudanças

Sob a direção de Rapp desde maio de 2008, o programa passou por algumas alterações. Novos quadros foram adicionados, como “Amaury Dumbo” (interpretado por Carioca) e “Dicas com Marcos Chiesa” (similar ao “Jackass”). Outra mudança está na forma de conduzir o programa.
Rapp agora concentra merchandising e intervalos no horário inicial, ficando mais solto, quase sem comerciais, a partir das 22h. A metáfora que o diretor escolhe para a explicação é a do cavalo de corrida: “Nosso cavalinho sempre disputa o minuto a minuto. Para ir bem, precisa de cada vez mais matérias, é o alimento dele”.
E o que come esse cavalo? “Nosso arroz com feijão são as matérias da dupla Vesgo (Rodrigo Scarpa) e Silvio (Wellington Muniz), da Sabrina Sato e do Christian Pior (Evandro Santo). A partir daí, vamos acrescentando mais coisas ao prato”, revela Rapp.
Para Emílio Surita, apresentador do “Pânico”, a atração hoje é quase um “Fantástico” de humor. “Nós acabamos cobrindo política, esportes, eventos”, conta. Outro ponto que Surita considera favorável é o jeito espontâneo: “As pessoas olham e dizem: “Eu poderia fazer isso”.”.
Mônica Pimentel, superintendente artística da Rede TV!, considera que o programa -desde 1993 na rádio Jovem Pan FM, com estreia na TV em setembro de 2003- começou a se consolidar em 2004 com as “Sandálias da Humildade”, em que Vesgo e Silvio perseguiam celebridades que os esnobavam, como Jô Soares e Luana Piovani.
A diretora nacional de mídia da agência de publicidade F/ Nazca, Lica Bueno, considera que a estratégia do “Pânico” para alcançar o primeiro lugar pode ser incômoda para os anunciantes. “O anunciante compra um “break” com base na audiência média do programa, mas tem sua campanha veiculada nos momentos em que o ibope é mais baixo”. Bueno ressalta que anunciantes internacionais não gostam desse método.

Mestre e aprendiz

Como nos filmes de ação, o domingo à noite vive uma disputa entre um mestre e um aprendiz que tenta superá-lo. Rapp trabalhou com Homero Salles, atual diretor de Gugu na Record, no “Domingo Legal”, do SBT, na década de 90.
“Aprendi muito com o Homero na análise da audiência em tempo real. Quando era assistente dele no SBT, estendíamos os números musicais conforme o ibope subia”, diz Rapp.
Homero Salles, em seu Twitter, zomba das seguidas referências a cavalos feitas por Rapp: “Quando o Alan trabalhava comigo, eu o chamava de cavalo. Acho que traumatizou…”, escreveu.

Desrespeito “moleque”

Para Tania Montoro, professora da UnB, o “Pânico na TV” não representa bem a imagem feminina. Montoro diz que “o humor sempre serviu à naturalização de estereótipos de classe, de sexo e de gênero, e não há nada mais antigo do que juntar -para naturalizar- sexo, política e entretenimento”.
Eugênio Bucci, professor de jornalismo da USP, discorda: “O desrespeito “moleque” do “Pânico” é um traço comum aos humorísticos. Não dá para pensar em um formato como esse que seja edificante, pois zomba de tudo e de todos”.
Bucci acredita que o diferencial da atual fase do “Pânico” é a esculhambação geral, a desmistificação do mundo das celebridades, sem que esse seja o objetivo do programa. “Ao fazerem uso do escracho, do jeito zombeteiro e sem cerimônias, mostram a baixaria, o ridículo que há nos outros.”
O professor da USP destaca: “O “Pânico”, com uma renovação estética e a antecipação de tendências, está se credenciando para virar “mainstream” -que observa o entorno para incorporá-lo depois”. Contratados da Rede TV! até 2012, resta saber se o programa passará -e sobreviverá com graça- por esse processo.

alan rappDiretor analisa Ibope em tempo real e compartilha mensagens pela internet

São 17h do domingo, dia 1º de novembro. Alan Rapp, diretor do “Pânico na TV”, chega à nova sede da Rede TV!. “Estou preocupado. Acho que hoje vai ser um dia difícil para nós”, diz à reportagem da Folha, que acompanhou a rotina de trabalho do dia em que o programa vai ao ar.
Os motivos para tanto? A polêmica detenção de Zina, o ex-guardador de carros responsável pelo bordão “Ronaldo, brilha muito no Corinthians”, durante a semana por porte de drogas é um deles. Os outros são o bom tempo, com poucas nuvens em São Paulo, e o feriado de Finados no dia seguinte.
Daniel Peixoto, que trabalha na produção do programa e interpreta o personagem Alfinete, tem opinião parecida: “Se nossa semana tivesse sido difícil, estaria boa demais”.
Começa a atração. Rapp, que ri pouco, está sempre de olho no monitor com medição em tempo real do Ibope. Além disso, posta frequentes comentários sobre a audiência em seu Twitter, via celular. “Estamos em segundo, com 4 pontos atrás da Globo, pocotó, pocotó…”, escreveu em uma das mensagens.
Pouco antes das 21h40, Rapp chama o último dos três intervalos que têm que fazer. “Estou fazendo uma aposta. Eu poderia passar o Gugu agora, mas o que quero mesmo é chegar ao primeiro lugar”, confessa.
O plano dá certo. Depois de alcançar a liderança, durante matéria especial sobre Zina, perto das 23h, ele se solta: “Põe aquele recado para o Gugu”, pede a um dos integrantes da equipe. Logo aparece na TV a mensagem: “Um salve para o Gugu e o Homero da Xurupita!”, em referência aos rivais da Record, que chegam a ter metade da audiência do “Pânico” por alguns momentos.
Pouco depois, toca o seu telefone. É alguém da produção do “Programa do Gugu”, em referência à provocação que fez. “Somos todos amigos, a gente se conhece. Tem espaço para essa brincadeira, que é sadia”, diz Rapp, o último a deixar a sala, com a sensação de mais uma missão cumprida. (RR)

PRÉVIA: Programa do Gugu segue na vice-liderança

programa_do_gugu_logo

Mesmo sendo constantemente ultrapassado pela concorrência, o Programa do Gugu, segue na vice-liderança isolada em seu horário de exibição. Ontem (01/11), foram 11 pontos de média contra 9 do SBT 8 da RedeTV e 19 da Globo

Pânico é vice-líder na média e manda recado ao vivo para Gugu e Homero Salles

No moemento em que vencia o Programa do Gugu, o Pânico mandou um "salve" para Gugu e seu diretor

No moemento em que vencia o Programa do Gugu, o Pânico mandou um "salve" para Gugu e seu diretor

Ontem o Pânico na TV voltou a registrar excelente audiência incomodando fortemente o Programa do Gugu da Record que em alguns momentos ficou em 4º lugar. Veja o resultado segundo prévia do Ibope:

Pânico na TV – 21h às 23h24 -11 de média, 17 de pico.

Globo 18.6
Record 10.9
SBT 8.6.

panico_provoca_gugu-1

No moemento em que vencia o Programa do Gugu, o Pânico mandou um "salve" para Gugu e seu diretor