Com escalação de Ângela Leal, Record fecha elenco de “Dona Xepa”

https://i1.wp.com/natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20130103103150.jpg                                                                                                        Divulgação: Record
De acordo com o jornalista Flavio Ricco, o elenco de “Dona Xepa” já foi fechado. O que faltava era a escolha da protagonista, que será vivida pela atriz Ângela Leal, contrariando boatos sobre um possível ataque ao casting de atrizes Globo.
Ângela Leal se junta a nomes já confirmados como Pérola Faria, Bemvindo Sequeira, Luiza Tomé, Mauricio Mattar, Thais Fersoza, Arthur Aguiar (ex-Rebelde), Giuseppe Oristaneo e Alexandre Barilari.
Agora, a novela entrará em fase de pré-produção, onde serão definidos detalhes de figurinos, locações e cenários. As datas de início das gravações e estreia devem ser definidas já nos próximos dias.
Gustavo Reiz será o autor responsável pelo remake do folhetim, que terá direção de Ivan Zettel.

FRACASSO: Último capítulo de “Rebelde” marca péssima audiência; SBT tem mais que o triplo

Alice em cena

Foi ao ar nesta sexta-feira, 12, o último capítulo da novela “Rebelde” na TV Record. A trama, que estava em sua segunda temporada, decepcionou mais uma vez.

De acordo com os dados prévios da Grande São Paulo a novela registrou 3.1 pontos de média, mesmo índice registrado em dias comuns. Das 20h29 às 21h20 a Globo foi líder com 31.3, o SBT teve 10.1 e a Rede TV! fechou com 1.8 de média.

Em alguns minutos a Rede TV! ameaçou a Record. Ficando um ponto, apenas, atrás do remake brasileiro. A partir de segunda-feira o canal de Edir Macedo exibirá filmes no horário.

“Rebelde” chega ao fim hoje; confira alguns desfechos

A novela “Rebelde” chega ao fim nesta sexta-feira (12) na Record.
 
O autor Emilio Boechat promete punição para os vilões e final feliz para o pessoal do bem.
 
Em entrevista ao jornal “O Dia”, o novelista adiantou que Pedro (Micael Borges) será o grande herói, desvendando as armações dos vampiros Miguel (Thiago Amaral) e Lucy (Ully Lages), com a ajuda de Binho (Pedro Cassiano). Miguel (foto) fica louco e é internado em uma clínica psiquiátrica. A irmã, Lucy, aparece vestida de enfermeira para visitá-lo e lhe dá um presente.
 
Já o casal Diego (Arthur Aguiar) e Roberta (Lua Blanco) finalmente ficará junto após muitos desencontros provocados pelos vilões. “Eles voltarão em grande estilo depois que Roberta se der conta de sua teimosia e também de como estava sendo manipulada pelas companhias erradas”, contou o autor.
 
A equipe e o elenco da novela tiveram que correr para antecipar os desfechos. Cenas do último capítulo foram gravadas na última quarta-feira (10) e um show da banda Rebeldes será o destaque final.
 
“Rebelde” teve seu fim antecipado por conta da baixa audiência, na casa dos 3 pontos. Vale lembrar que a primeira temporada chegou a médias de 13 pontos.
 
“Uma novela é um produto comercial, e a audiência não vinha correspondendo ao que a emissora e nós queríamos”, admitiu Emilio, que mesmo assim ficou chateado com o cancelamento antecipado.
 
O último capítulo de “Rebelde” vai ao ar logo mais às 20h30. 
 
E fique ligado! Dentro de instantes a TVNT vai relembrar a história da novela e da banda Rebeldes. Uma homenagem aos fãs, que não gostaram do cancelamento da trama e deixaram isso muito claro nas redes sociais.
Na Telinha

Record volta a agir por impulso e encerra “Rebelde” antes do previsto

O núcleo de novelas da Record, no RecNov, assim como fãs e telespectadores, foram surpreendidos com uma importante notícia na manhã desta terça-feira (02). “Rebelde”, que está no ar desde março de 2011, teve seu fim oficialmente decretado para a sexta-feira da semana que vem, dia 12 de outubro.
 
Até então, a novela estava prevista para acabar no fim de novembro. Houve uma remarcação para o começo do mês e hoje chegou-se à data final, que é em exatos nove capítulos.
 
Com esta atitude, percebe-se mais uma vez que a emissora age por impulso e trata, da pior forma, os poucos fãs que ainda restaram da história adaptada da Televisa.
 
Além das constantes mudanças de horário (“Rebelde” já chegou a bater com a novela das seis como também já herdou migração da novela das nove) e de roteiro, o telespectador ainda terá que lidar com este fim antecipado e pouco planejado.
 
A tomada da decisão por impulso chega a ser tão grande que a Record sequer sabe o que irá ocupar o horário a partir da segunda-feira seguinte ao fim de “Rebelde”. E a partir deste dia é que será constatado que o término antecipado de nada adiantou, já que dificilmente outro produto da casa ultrapassará a casa dos 4 pontos em concorrência com a reta final de “Avenida Brasil”.
 
Apesar de seus pesares, “Rebelde” tem fãs e pertence a um mercado que a Record não tinha formado até então, que é o de crianças e adolescentes. O alto potencial que a banda teria de conquistar mais shows e vender mais CDs, álbuns e brinquedos licenciados para o Natal também acaba de cair por terra. Também foi jogada fora a possibilidade de buscar reerguer a produção posicionando em um outro horário, longe da concorrência com a novela das nove, a produção de maior audiência de todo o Brasil e que está prestes a se encerrar.
 
Daqui a algumas semanas será possível avaliar que a emissora errou como errou com a reprise de “Vidas Opostas”, que chegou a ter mais de cinco capítulos compactados em um devido aos seus 4 pontos de média. Todos os holofotes passaram a ser para a então bem sucedida “CSI” e seus novos episódios que no final registraram os mesmos 4 pontos de média. “Vidas Opostas” poderia estar até hoje na grade com resultado similar, com respeito ao público e um faturamento razoável, levando em conta que o “Tudo a Ver”, que ocupa parte do horário, com seus 2 pontos não deve chamar tanta atenção do mercado publicitário.
 
Outro prejuízo pelo fim de “Rebelde” é que a emissora mais uma vez encerra o primeiro horário de novelas sem uma substituta. “Rebelde”, que relançou a faixa, terminará com ela até o começo do próximo ano, quando uma nova trama adaptada irá estrear – possivelmente “Patinho Feio”.
 
Por fim, resta desejar que ao menos a emissora saiba valorizar os bons talentos na equipe, como diretores, autores e atores e os mantenha no casting tendo em vista uma nova produção.
André Luiz Batista

“Carrossel” dá o dobro da audiência da Record no mesmo horário

A novelinha “Carrossel” (SBT) continua com audiência em alta.

Na segunda-feira, registrou média de 14 pontos no horário (cada ponto corresponde a 60 mil domicílios na Grande São Paulo).

O número é o dobro da audiência da Record na mesma faixa. A Globo obteve 30 pontos.

A informação é da coluna Outro Canal, assinada por Keila Jimenez.

Arrogância de Chay Suede da novela “Rebelde”

Arrogância 1

Chay Suede, ator de “Rebelde”, chamou para a briga o diretor Daniel Guivelder, queridíssimo pelo elenco. A manifestação explícita de desrespeito aconteceu durante a gravação da festa de aniversário da personagem Alice. A turma do deixa-disso acabou acalmando os ânimos.

 

Arrogância 2

O comportamento do ator não foi algo isolado. O elenco jovem da novela é apontado como useiro e vezeiro de atitudes arrogantes. Elas são toleradas pela direção da emissora pois, embora a audiência da novela seja baixa, os shows da banda são lucrativos.

Não precisava desta cena que este ator resolveu dar.

Um cara que está fazendo o primeiro papel na sua vida, e já começa com estrelismo.

Imaginem se fosse a sua terceira ou quarta novela.

Com isto ele sai perdendo, pois com certeza se na primeira ele deu problema com um diretor, imagem só com outro diretor, eles vão pensar duas vezes antes de colocar este ator de novo.

Ele deve estar pensando que a novela “Rebelde”, não irá acabar.

O Mundo dá volta.

Autora discorda das mudanças impostas em ‘Rebelde’, segundo jornalista

A autora de "Rebelde", Margareth Boury, ladeada pelas atrizes Sophia Abrahão, Lua Blanco e Mel Fronckowiak (15/3/2011)

Em algum momento certamente virão à tona os verdadeiros motivos que determinaram o afastamento da autora Margareth Boury da novela “Rebelde”. Oficialmente, informa-se, ela saiu de férias para cuidar de um problema de saúde. Algo, ainda segundo a emissora, que já estava combinado com a alta direção, antes mesmo da troca no comando da teledramaturgia. O colaborador Emílio Boechat imediatamente assumiu a condição de titular. Dentro da própria Record, no entanto, há quem jure, e de pés juntos, que assim será até o fim, porque a Margareth não voltará mais a escrever por discordar dos novos rumos tomados pela história. Ela não teria “abençoado” a entrada das crianças e muito menos concordado com outras tentativas, como transformar “Rebelde” em “Carrossel”, e com isso solucionar os seus problemas de audiência. Consultada sobre a questão, a autora não se manifestou. E também se faz silêncio em torno de uma próxima temporada, se haverá ou não.

UOL

Dulce Maria recebe cachê de R$ 400 mil para participar de “Rebelde”

Dulce Maria recebe cachê de R$ 400 mil para participar de

A atriz Dulce Maria, que interpretou a personagem Roberta em “Rebelde” do México, faturou uma bolada com a participação especial na versão brasileira da novelinha teen.

De acordo com o colunista Leo Dias, do jornal carioca O Dia, a também cantora recebeu um cachê de R$ 400 mil para gravar durante três dias o folhetim da TV Record.

Dulce ficou hospedada no luxuoso Hotel Sheraton, na Barra da Tijuca, e gravou cenas da novela no RecNov, complexo de estúdios da emissora no Rio, e em pontos turísticos da cidade maravilhosa.

A participação da mexicana na novela vai ao ar a partir do dia 6 de agosto. 

PS

Chay Suede, de “Rebelde”, no “Você Entrevista” do Extra; “Eu não me vejo como ídolo”

Revelado no reality show “Ídolos” em 2010, Chay Suede hoje é sucesso entre os adolescentes como o Tomás de “Rebelde”. O capixaba de 20 anos responde às perguntas dos leitores no “Você entrevista”.

Como foi participar do “Ídolos”, não ter vencido e hoje fazer esse sucesso todo?

O mais importante foi o que eu aprendi. A experiência foi muito gratificante.

Como você explica o sucesso de “Rebelde”?

Quando nos dedicamos e fazemos um trabalho com carinho e seriedade, o sucesso acaba vindo naturalmente.

Você se inspira em alguém para interpretar o Tomás?

Não tem ninguém em especial. Observo muito os meninos à minha volta.

O que te dá mais satisfação: cantar ou atuar?

Não tenho preferência. A satisfação é estar feliz, fazendo um trabalho legal.

Como você encara a responsabilidade de ser um ídolo?

Eu não me vejo como um ídolo e sim como um garoto normal de 20 anos, realizando seus sonhos.

Qual a maior loucura e a coisa mais fofa que um fã já fez?

A maior loucura foi uma fã tatuar meu nome. Não tenho como escolher uma coisa fofa, são tantas…

Quem toca no seu iPod? Qual banda ou cantor?

São tantos… The Beatles, The Strokes, Caetano Veloso, Novos Baianos, Mutante… E por aí vai.

Qual a maior dificuldade que você enfrentou na vida?

Acho que foi quando saí de casa. Ter que largar minha cidade (Vila Velha, no Espírito Santo), família e amigos para começar uma nova vida no Rio.

Você responde a todas as cartas que recebe?

Procuro sempre responder, mas, com a falta de tempo, fico devendo algumas.

Tem algum sonho que ainda não realizou?

No momento meu maior sonho é ter uns dias de férias (risos).

Chay, o que toda fã quer saber é: você está namorando?

Eu estou solteiro.

EXTRA